14 AGO 2020

Neste sábado, 15 de agosto, Igreja no país se une em “Dia de Oração pela Vida e pelo Brasil”

Neste sábado (15), das 6h da manhã às 21h, a Conferência Nacional dos Bispos do Brasil (CNBB) organizou o “Dia de Oração pela Vida e pelo Brasil”. Ao meio dia os sinos das igrejas brasileiras badalarão em memória das mais de 105 mil vítimas da covid-19, por seus familiares e pelos profissionais de saúde que atuam na linha de frente de combate ao novo coronavírus.

Os momentos de oração poderão ser acompanhados pelas redes sociais da Conferência Nacional dos Bispos do Brasil e também pelos canais de TV de inspiração católicas do país.

Segundo o bispo auxiliar do Rio de Janeiro (RJ) e secretário-geral da Conferência Nacional dos Bispos do Brasil (CNBB), dom Joel Portela Amado, a conferência organizou este dia para unir toda a Igreja no Brasil em torno da oração como forma de contribuir para a superação do quadro tão triste da pandemia e do avanço do coronavírus no Brasil e também para reforçar sua atuação em torno do Pacto pela Vida e pelo Brasil, construído em parceria com um conjunto de organizações da sociedade brasileira.

Para o arcebispo de Belo Horizonte (MG), dom Walmor Oliveira de Azevedo, presidente da CNBB, a entidade assinou o Pacto pela Vida e pelo Brasil impulsionada por sua fidelidade ao Evangelho de Jesus Cristo, fonte inesgotável da luz da verdade, luz indispensável para clarear caminhos e rumos novos que a sociedade brasileira precisa, com urgência, para construir um novo tempo.

O que é o Pacto pela Vida e pelo Brasil?

O Pacto foi assinado em 7 de abril, Dia Mundial da Saúde, por seis entidades representativas de diversos setores da sociedade brasileira. O documento foi lançado num período em que o Brasil se deparava com o agravamento da pandemia. O Pacto começou a ser elaborado cerca de um mês antes, por meio de reuniões entre representantes das entidades signatárias, todas bastante preocupadas com o quadro que se agravava no país. A CNBB, seguindo a trajetória de seis décadas de compromisso evangélico com a realidade nacional, fez parte, desde o primeiro momento, das reflexões e da formulação do texto.

A CNBB vai lançar também um site onde os interessados poderão conhecer o processo de mobilização em torno do Pacto pela Vida e pelo Brasil, incluindo textos, documentos e audiovisuais. Saiba mais sobre o Pacto pela Vida e Pelo Brasil aqui

Veja a página do Dia de Oração pela Vida e pelo Brasil AQUI.

Programação do Dia de Oração pela Vida e pelo Brasil

  • 6h – Oração da Manhã, com dom Mario Antônio da Silva, bispo de Roraima e 2º vice-presidente da CNBB, nas redes sociais da CNBB
  • 7h – Missa celebrada por dom Dimas Lara Barbosa, arcebispo de Campo Grande (MS), transmitida pela TV Imaculada
  • 9h – Missa na Basílica de Nossa Senhora Aparecida (SP), transmitida pela TV Aparecida
  • 10h – Live com o tema: “Experiências da Igreja de cuidado pela vida e pelo Brasil”, redes sociais da CNBB
  • 11h – Live com o tema: “Os padres e o Pacto pela Vida e pelo Brasil”, com o presidente da Comissão Episcopal Pastoral para os Ministérios Ordenados da CNBB, dom Francisco Salm
  • 12h – Oração do Ângelus com dom Joel Amado, secretário-geral da CNBB, pelas redes sociais da CNBB
  • 12h – Os sinos das igrejas brasileiras vão tocar simultaneamente
  • 12h – Missa no Santuário Nossa Senhora do Guadalupe e Jesus das Santas Chagas (PR), com o padre Reginaldo Manzotti, transmitida pela TV Evangelizar
  • 15h – Missa no Santuário da Piedade (MG) com o arcebispo de Belo Horizonte e presidente da CNBB, dom Walmor Oliveira de Azevedo, transmitida pela TV Horizonte
  • 15h – Live com o tema: “Pacto pela Vida e pelo Brasil”, nas redes sociais da CNBB
  • 16h – Live com o tema: “O Pacto pela Vida e pelo Brasil e as Igrejas Cristãs, nas redes sociais da CNBB
  • 18h – Missa no Santuário de Nossa Senhora de Nazaré (PA), transmitido pelas TV Nazaré
  • 21h – Oração da Noite com dom Jaime Spengler, arcebispo de Porto Alegre (RS) e primeiro vice-presidente da CNBB, pelas redes sociais da CNBB

Fonte: CNBB

Compartilhe esta publicação
Nossas redes sociais
Top