14 JUL 2018

MISSA DE ENCERRAMENTO DO JUBILEU DA DIOCESE E POSSE CANÔNICA DE DOM MÁRIO SPAKI

“Olhamos para o céu e agradecemos as imensas graças que Deus derramou em nossa diocese nesses 50 anos”. As palavras de dom Mário Spaki foram proferidas durante a missa que marcou a posse canônica como bispo da Diocese de Paranavaí, na tarde de domingo 08 de julho de 2018.

A celebração reuniu milhares de pessoas no Parque de Exposições Presidente Arthur da Costa e Silva. Participaram bispos, padres, religiosos, religiosas, seminaristas e fiéis de diferentes paróquias. Familiares e amigos de dom Mário Spaki também estiveram presentes.

Desde a saída de dom Geremias Steinmetz, que esteve à frente da Diocese de Paranavaí durante seis anos, houve um período de vacância de aproximadamente 11 meses. Nesse tempo, o padre Silvio Cesar Pereira atuou como administrador diocesano. Por isso, foi o responsável por fazer a acolhida ao novo bispo. “É um grande momento para nossa igreja. O senhor é a voz que vai guiar nosso rebanho nos próximos anos”.

Quem oficializou a posse canônica de dom Mário Spaki foi o arcebispo de Maringá, dom Anuar Battisti. Ele entregou o báculo pastoral, espécie de cajado que simboliza a liderança episcopal, e explicou o significado dos símbolos que fazem do bispo o guia da comunidade, “para conduzir o rebanho pelos caminhos do Senhor”.

A partir da posse, a celebração da missa ficou a cargo de dom Mário Spaki. Durante a homilia, o bispo destacou o Jubileu de Ouro da Diocese de Paranavaí e citou três eixos que conduziram os trabalhos voltados para as comemorações desses 50 anos: missão, vocação e sustentabilidade eclesial.

Após a missa, representantes de diferentes segmentos da sociedade dirigiram palavras de boas-vindas, incentivo e apoio ao novo bispo diocesano. Entre os que se manifestaram estava dom Geremias Steinmetz: “O povo conta com a gente, precisa da gente. Que seja muito feliz, levantando as bandeiras da igreja”.

Em seguida, o padre Silvio Cesar Pereira entregou um presente para dom Mário Spaki, em nome da comunidade. O sacerdote disse que o crucifixo representa a devoção que o bispo diocesano tem ao sacrifício de Jesus Cristo, que, segundo a fé católica, foi crucificado para redimir os pecados do mundo. Terminou o gesto de boas-vindas com a frase: “O senhor está em casa”.

Depois disso, dom Mário Spaki convidou familiares e amigos para irem até a frente do altar e os apresentou para a comunidade. Por fim, exibiu um vídeo em que mostra entrevistas feitas por ele com paranavaienses logo após ser nomeado bispo pelo papa Francisco.

A posse canônica e as comemorações dos 50 anos da Diocese de Paranavaí terminaram com a apresentação musical do grupo Cantores de Deus.

Fonte: Diário do Noroeste

Compartilhe esta publicação
Nossas redes sociais
Top